Empresas patrocinadoras terão 100% de abatimento fiscal do valor investido no projeto

No primeiro semestre de 2017 o Lar das Moças Cegas (LMC) conseguiu a aprovação para o Projeto Cultural de nº 24.2075, denominado Banda e Coral do Lar das Moças Cegas. Com a validação, o LMC tem total liberdade para buscar empresas interessadas em patrocinar e que tenham vontade de  desenvolver as atividades juntamente à Instituição.  A participação das empresas possibilita o abatimento fiscal de 100% do valor investido!

A Banda do LMC e o Coral Raio de Luz são dois projetos da entidade que trabalham os atendidos/alunos por meio da música, o que torna muito mais fácil o desenvolvimento de cada um deles. “A música é uma vertente muito forte aqui no LMC. Além de ser um eficaz meio de inclusão, facilita o desenvolvimento das potencialidades e minimiza as dificuldades deles”, explica Marta da Cruz Valdívia Camargo, diretora do Centro de Reabilitação para Deficientes Visuais (CERDV).

Marta  conclui dizendo os benefícios que a música traz para os deficientes da Instituição: “Por meio da música conseguimos integrá-los, desenvolvendo a mente, o corpo e a emoção. Ela  amplia os limites físicos, mentais e sociais”.

 O Coral Raio de Luz, do LMC, existe há mais de 30 anos e trabalha toda a parte musical juntamente com  a socialização. O projeto visa a convivência em conjunto com outras pessoas, a ter um comportamento adequado e a produzir cantando.“Isso ajuda no desenvolvimento pessoal, desenvolve a inteligência e trabalha toda a parte emocional; benefícios que a música naturalmente nos traz”, contou o professor do Coral, Alecxandro Jean Kelessis.

O grupo faz constantes apresentações nas feiras promovidas pelo LMC e já se apresentou em escolas e eventos de Santos e região. Sua linha de repertório é abrangente e eclética, alternando peças do repertório tradicional, música contemporânea brasileira e arranjos de canções da MPB. Atualmente o Coral conta com 14 pessoas, sendo 3 homens e 11 mulheres.

 

 

A Banda do Lar das Moças Cegas é composta por 40 integrantes, sendo eles alunos, colaboradores e voluntários da Instituição. O projeto foi criado em 2009 e tem como responsável o Sargento reformado, Maestro João Carlos Estógio. O grupo é muito requisitado e já se apresentou em diversos eventos e empresas da Baixada Santista. Está vinculada também ao Projeto de Orientação e Mobilidade (PROEM) da entidade, que enfatiza a inclusão e utiliza a música para quebrar as barreiras da deficiência.

A Banda já se apresentou em empresas como: Piracicabana, Unaerp do Guarujá, em escolas públicas e privadas. Ano passado participou do 1º Concurso de  Bandas e Fanfarras de Santos e consagrou-se campeã na categoria Especial Sênior e neste ano repetiu o feito e se tornou bicampeã na categoria.

 

 

Empresas interessadas em apoiar estes projetos entrem em contato conosco! Venha conhecer o trabalho desenvolvido no Lar das Moças Cegas, a instituição que, há 74 anos, educa e reabilita o deficiente visual na Baixada Santista.

Contato:

Helena Rosa – (13) 3226-2760 (ramal 2767)

Print Friendly, PDF & Email