Atletas da seleção são destaques do GP INFRAERO de Judô para Cegos

Atletas da seleção são destaques do GP INFRAERO de Judô para Cegos

Porto Alegre/RS – O Grand Prix INFRAERO de Judô para Cegos foi realizado neste sábado (14), no ginásio do Grêmio Náutico União, em Porto Alegre. A última etapa do GP contou a presença de cerca de 170 atletas, que participaram de disputas nas categorias Adulto e Iniciante, e encerrou o calendário anual de eventos das modalidades paralímpicas da CBDV.
A competição foi uma realização da Confederação Brasileira de Desportos de Deficientes Visuais, patrocínio da INFRAERO e Ministério do Esporte, e apoio do Comitê Paralímpico Brasileiro, Grêmio Náutico União e da ACERGS. O evento teve a presença ilustre do Ministro do Esporte, George Hilton, que recebeu das mãos do presidente da CBDV Sandro Laina Soares uma camisa da competição. O ministro demonstrou satisfação ao falar sobre a modalidade paralímpica.
– Quero cumprimentar de forma muito carinhosa todos os atletas aqui do judô para deficientes visuais, mas com uma visão apurada de que não há barreiras, que não há limites para onde nós queremos chegar, no nosso objetivo. Fico muito orgulhoso de estar aqui prestigiando esse Grand Prix INFRAERO de Judô para Cegos que, aliás, é um dos maiores eventos do judô paralímpico do Brasil. Quero agradecer à INFRAERO pelo apoio que tem dado ao judô de cegos – disse o Ministro, que fez questão de destacar a presença da judoca Luiza Oliano.
– Em especial (cumprimentar) essa atleta linda, que a gente aprendeu a amar e gostar, Luiza Oliano, integrante da seleção brasileira de judô de cegos – finalizou George Hilton.
As palavras do Ministro fizeram bem à atleta, que com o apoio da torcida – Luíza é gaúcha – conquistou o ouro competindo na categoria até 48 kg. Além da judoca do peso ligeiro, Andreia Canteiro (-52kg), Lucia Araújo (-57kg), Renatta Molina (-63kg), Alana Maldonado (-70kg) e Deanne Almeida (+78kg), subiram no ponto mais alto do pódio na categoria feminina. Já no masculino, Jorge Nakashita (-60kg), Mayco Rodrigues (-66kg), Denis Rosa (-73kg), Harlley Arruda (-81kg), Arthur Silva (-90kg), Antônio Tenório (-100kg) e Wilians Araújo (+100kg), foram os campeões.
O Grand Prix INFRAERO de Judô para Cegos encerrou o calendário de eventos anual da CBDV de modalidades paralímpicas. Ao longo do ano, os judocas brasileiros disputaram a etapa internacional do GP, na cidade de São Paulo, além dos Jogos Mundiais da IBSA, em Seul, na Coreia do Sul, e os Jogos Parapan-Americanos de Toronto.
Foto: Wilians Araújo aplicou um dos golpes mais bonitos do evento (Jefferson Bernardes/Inovafoto/CBDV)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.