Brasil conquista ouro e bronze no segundo dia do Judô em Toronto

Brasil conquista ouro e bronze no segundo dia do Judô em Toronto

Foto: Abner Nascimento garantiu o segundo ouro brasileiro no Judô, em Toronto

Toronto,CA – O Judô brasileiro entrou em ação novamente nos Jogos Parapan-Americanos, nesta quinta-feira, 13, no Ability Centre, em Toronto, Canadá. Depois de perder a primeira luta, o judoca Abner Nascimento se recuperou com três vitórias e conquistou o ouro da categoria até 73kg. Foi a segunda medalha dourada do Brasil em tatames canadenses. Pela categoria até 81kg, Harlley Arruda conquistou o bronze. No primeiro dia de competições, Michele Ferreira levou o ouro na divisão meio-leve.

 

O dia não começou bem para o potiguar Abner Nascimento. O judoca da divisão dos leves iniciou a competição com um revés para o venezuelano Maurício Briceño. Mesmo com a derrota, o brasileiro manteve as chances de conquistar o ouro, uma vez que todos os atletas teriam que se enfrentar, e o campeão seria aquele que fizesses mais pontos.

 

Com mais três lutas para fazer, Abner não decepcionou e arrancou uma sequência de três Ippons nas lutas seguintes. Na primeira delas, o brasileiro precisou apenas de três segundos para derrubar o americano Jeff Mata. Na segunda, a luta mais emocionante do brasileiro. O cubano Gerardo Rodriguez deu muito trabalho, mas Abner Nascimento estava em grande dia, e conseguiu um Wazari seguido de uma imobilização.

 

Na luta que colocou o Brasil mais uma vez no ponto mais alto do pódio, o judoca venceu o argentino Fabían Ramírez por Ippon. Com o resultado, o segundo medalhista de ouro do Judô brasileiro em Toronto afirma que o primeiro lugar trás mais motivação para buscar um resultado parecido nos Jogos Paralímpicos do Rio.

– Isso é um trabalho de cinco anos e meio. Já que é um sonho chegar no Parapan, o meu primeiro, e conseguir chegar a medalha de ouro. Acho que é o sonho de todos os atletas chegar e conquistar o ouro logo na primeira vez. Agora é trabalhar forte para 2016, e essa medalha vai ser mais um incentivo para poder chegar e buscar mais uma douradinha – comemorou Abner Nascimento.

Pela categoria até 81kg, Harlley Arruda começou bem e venceu a primeira luta contra o americano Ryan Jones. No entanto, na semifinal, o brasileiro foi derrotado pelo mexicano Eduardo Avila. Na disputa do bronze, diante do americano Adnan Gutic, Harlley aplicou um lindo Ippon em apenas 11 segundos, e garantiu a terceira medalha do Judô brasileiro

Outras brasileiras também entraram no tatame. Lúcia Teixeira, da categoria até 57kg, e Victoria Santos, do 63kg, competiram nesta quinta, 13, mas os resultados não foram computados no Quadro de Medalhas, já que as duas categorias não atingiram o número suficiente de competidores. Lúcia venceu as duas lutas, enquanto Victória venceu uma e perdeu outra. Mesmo caso da categoria 48kg, que contou com as brasileiras, Karla Cardoso e Luiza Oliano.

Fotos em alta resolução: https://www.flickr.com/photos/cpboficial/albums

Acompanhe a cobertura pelas nossas redes sociais: Facebook (facebook.com/cbdvoficial e facebook.com/comiteparalimpico), Twitter (@cbdvonline e @cpboficial), Instagram (cbdvonline e ocpboficial), Periscope (@cbdvonline e @cpboficial)

Convênio – Ministério do Esporte

A participação brasileira nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto é custeada por um convênio entre o Ministério do Esporte e o Comitê Paralímpico Brasileiro. Confira as ações:

– Hospedagem Nacional (concentração);

– Alimentação Nacional (concentração);

– Transporte Nacional (concentração até aeroporto);

– Seguro Viagem;

– Aéreo Doméstico (local de origem até concentração e volta de Toronto até local de origem);

– Aéreo Internacional (concentração até Toronto).

Foto: http://www.cbdv.org.br/noticia/brasil-conquista-ouro-e-bronze-no-segundo-dia-do-judo-em-toronto

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *