BTP vai qualificar pessoas com deficiência

BTP vai qualificar pessoas com deficiência

Um projeto lançado pela Brasil Terminal Portuário (BTP) pretende qualificar pessoas com deficiência e, eventualmente, contratá-las para atuar em suas instalações, na região da Alemoa, no Porto de Santos. A iniciativa envolve a realização de um curso sobre o trabalho no complexo marítimo e que é voltado especificamente para esse público. As inscrições podem ser feitas até amanhã e as aulas começam no próximo mês.

São 25 vagas para o curso, que faz parte do projeto BTP Para Todos. Seu objetivo é ampliar a oportunidade de qualificação profissional no setor portuário, tanto para a área administrativas, como para a operacional do terminal, um dos mais novos que entraram em operação no complexo santista.

 As inscrições para o curso podem ser feitas até essa sexta-feira(18), no Espaço Santista RH. Os candidatos devem apresentar documento de identificação (RG) e currículo, além do comprovante de conclusão do Ensino Médio e laudo médico, que indique a deficiência.

Em seguida, na próxima terça-feira(22), serão divulgados os nomes dos 25 alunos selecionados. A ideia é que todos os inscritos participem do programa. Se a demanda for maior, outras edições do curso poderão ser realizadas.

As aulas vão começar na última semana do mês que vem e, ao final, os formandos passarão por uma triagem. Assim, será possível verificar quais alunos estarão aptos a ingressar no mercado de trabalho.

De acordo com o gerente de Recursos Humanos da BTP e um dos idealizadores do programa, Hudson Carvalho, a ideia do curso surgiu diante do desejo de incluir pessoas com deficiência no quadro de funcionários da empresa.

“A mão de obra portuária vive uma dicotomia. Ao mesmo tempo em que é abundante, também é escassa. São muitos trabalhadores, mas quando se exige um pouco mais de qualificação, fica mais complicado e essa dificuldade de contratação se agrava”, destacou.

O executivo explicou que o curso será dividido em quatro módulos, com duração total de 80 horas e que vão ocorrer durante três meses. Neste período, os alunos irão conhecer o funcionamento do terminal de contêineres, seus procedimentos internos e as mais importantes atividades desempenhadas na instalação.

“Essa iniciativa mostra que não podemos estar apenas focados na abertura de vagas. Nosso setor tem muitas particularidades, por isso, é necessário pensar no antes. E o caminho escolhido por nós é o de investimento contínuo em capacitação da mão de obra”, afirmou o executivo.

Segundo Hudson Carvalho, pessoas com qualquer tipo de deficiência podem se candidatar ao curso. No local onde as inscrições devem ser feitas, há intérpretes de Libras (Linguagem Brasileira de Sinais, utilizada por deficientes auditivos) e acessibilidade para deficientes visuais e físicos.

“Nosso sonho é que todas as pessoas sejam tratadas de maneira igual. Que entrem, façam o seu trabalho e saiam sem que ninguém lembre que são pessoas com deficiências. É fazer jus ao BTP Para Todos”, destacou o gerente de RH do terminal portuário.

Inscrições

As inscrições para o curso promovido pelo terminal podem ser feitas hoje ou amanhã, sempre das 8 horas ao meio-dia. A Espaço Santista RH fica na Avenida Ana Costa, 374, conjunto 34/35, no Gonzaga.

Em caso de dúvidas, os interessados podem entrar em contato com Bianca ou Talita pelo telefone (13) 3234-3466, em horário comercial, ou pelo e-mail bianca@esrh.com.br.

Fonte: http://www.atribuna.com.br/noticias/noticias-detalhe/porto%26mar/btp-vai-qualificar-pessoas-com-deficiencia/?cHash=8c6d774dfede4c0863955dc549bc122e

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *