Caravana da Inclusão chega a Cajati e publicação com dicas de acessibilidade é apresentada

Caravana da Inclusão chega a Cajati e publicação com dicas de acessibilidade é apresentada

Nesta sexta-feira, 23 de outubro, Cajati, município do interior paulista, recebeu a 6ª Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania, realizada pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo, em parceria com a União dos Vereadores de São Paulo – UVESP e o CEAPcD – Conselho Estadual para Assuntos da Pessoa com Deficiência. Durante o evento, foi apresentada a Cartilha do município que visa tratar da acessibilidade de Cajati.

A abertura do evento contou com apresentação dos alunos da APAE de Cajati e desfile de Moda Inclusiva, um dos projetos da Secretaria. Estiveram presentes, o Secretário de Estado Adjunto da Secretaria, Cid Torquato; o presidente da UVESP, Sebastião Misiara; a presidente do Conselho Estadual para Assuntos da Pessoa com Deficiência – CEAPcD, Maria Gorete Cortez; o prefeito da cidade de Cajati, Luiz Henrique Koga; entre outras autoridades.

Cid Torquato falou sobre a importância de levar a Caravana para o município, pois trata-se de um encontro de informações a fim de sensibilizar as pessoas para o tema. Além disso, ele explicou que tem aprendido muito com todas as cidades por onde passa. O Secretário Adjunto destacou a cartilha que a cidade criou com informações sobre as melhorias que a cidade vem conquistando para o segmento e dicas de acessibilidade urbana.

O presidente da Uvesp, Sebastião Misiara afirmou que os direitos das pessoas com deficiência devem ser considerados e analisados e que todos tem o direito de ir e vir. “A falta de apoio e solidariedade com a minoria é uma realidade, temos quase 15% de pessoas no Estado com algum tipo de deficiência e mobilidade reduzida, mas o prefeito Luiz Henrique Koga fez todo o empenho para que a Caravana estivesse aqui para a melhoria de qualidade de vida dessas pessoas em Cajati”, enfatizou.

A presidente do Conselho Estadual, Gorete Cortez, discorreu sobre a importância do Conselho Estadual estar presente em todas as Caravanas para que mostre o quanto é necessária a implantação de novos conselhos. “Nosso papel é sentar com o poder público, que deve fazer a diferença junto à sociedade civil. Os conselhos têm a mesma meta, trabalhar em prol da comunidade”, alertou.

O prefeito de Cajati, Luiz Henrique Koga, saudou a todos e falou da necessidade de diálogos como esse, com autoridades que representam um tema. ”Muitos eventos contam com pessoas que não representam tanto a classe, vejo que hoje o evento é completo, com presença do legislativo municipal e estadual. Me espelho no trabalho do Cid Torquato, que tão bem representa essa classe e faz um trabalho incrível”, afirmou.

Após as apresentações formais, Marinalva Cruz, coordenadora do Programa de Apoio à Pessoa com Deficiência – PADEF, ligado à Secretaria de Estado de Emprego e Relações do Trabalho – SERT e Yara Savine, representante da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado, fizeram as apresentações técnicas e falaram sobre direitos da pessoa com deficiência no trabalho e Benefício de Prestação Continuada (BPC), respectivamente.

Marinalva explicou como funciona o programa PADEF no município, e falou sobre a importância em olhar cada vez mais as pessoas e não a deficiência. “Nosso propósito não é a empresa continuar se baseando na deficiência, primeiro temos que olhar o conhecimento e a capacidade que essa pessoa tem”.

Yara Savine falou sobre o BPC, que foi pensado para pessoas com alta vulnerabilidade social, e salientou que qualquer pessoa que tem algum tipo de incapacidade mesmo temporária, tem direito ao BPC, não somente pessoa com deficiência.

ENCONTRO REGIONAL SOBRE VIOLÊNCIA CONTRA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA
Paralelamente à Caravana, a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo realiza os Encontros Regionais do Programa Estadual de Prevenção e Combate à Violência contra a Pessoa com Deficiência, com o apoio da APAE da região.

Foram apresentados dados gerais do programa e a experiência da Delegacia da Pessoa com Deficiência. O evento contou com cerca de 180 pessoas de Cajati e 14 cidades da região, além de presidentes das câmaras municipais do Vale do Ribeira.

O psicólogo Marco Aurélio Teixeira de Queiroz apresentou as características da violência contra as pessoas com deficiência e como estruturar um trabalho em rede para prevenir e enfrentar estes casos de violência. Ele apontou que em 5 meses, mais de 8600 pessoas fizeram ocorrências em delegacias especializadas relacionadas a essas pessoas.

Estima-se que a violência contra crianças e adolescentes com deficiência ocorra numa taxa anual 1,7 vezes maior que crianças em geral, fazendo com que sejam mais vulneráveis.

A próxima cidade a receber a 6ª Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania é Dracena, em 06 de novembro. A entrada é franca e todos estão convidados.

Agenda da 6ª Caravana da Inclusão, Acessibilidade e Cidadania. 

06/11 – DRACENA
27/11 – PRESIDENTE EPITÁCIO
11/12 – VALINHOS

 

Fonte: http://www.pessoacomdeficiencia.sp.gov.br/ultimas-noticias/caravana-da-inclusao-chega-a-cajati-e-publicacao-com-dicas-de-acessibilidade-e-apresentada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.