Com recorde de medalhas no Parapan, últimos atletas chegam ao Brasil com festa no RJ

Com recorde de medalhas no Parapan, últimos atletas chegam ao Brasil com festa no RJ

Seleção de futebol de 5 exibe com orgulho a medalha do tricampeonato (Fernando Maia/MPIX/CPB)

Rio de Janeiro, RJ – Após contribuírem para o Brasil obter o melhor desempenho em Jogos Parapan-Americanos, atletas e comissões técnicas das seleções do futebol de 5, goalball e judô desembarcaram na manhã desta terça-feira (18), no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, com a bagagem cheia de medalhas e foram recebidos com festa, com direito a marchinha de carnaval.
Craque da seleção brasileira de futebol de 5, tricampeã dos Jogos Parapan-Americanos, Jefinho ficou feliz pela recepção que teve na chegada dos atletas. Segundo o baiano, isso mostra a importância do esporte paralímpico no país.
– É maravilhosa essa recepção que a gente tem. Importante chegar em casa e encontrar essa alegria dos brasileiros recebendo a gente. Isso comprova a importância do esporte paralímpico, do futebol de 5, e isso me deixa muito feliz – vibrou Jefinho.
Retornar ao país com festa alegrou também o judoca Abner Nascimento, ouro na categoria até 73kg. O Potiguar sonha em repetir o resultado e poder comemorar em casa, nos Jogos Paralímpicos do Rio 2016.
– Uma emoção muito grande. A gente fica refletindo tudo como começou, passa um filme na cabeça. E vamos continuar treinando para se Deus quiser em 2016 conquistar mais medalhas, e poder comemorar em casa.
A recepção calorosa contou ainda com familiares, parentes e amigos de atletas, que levaram cartazes em homenagem aos brasileiros.
Em Toronto, o Brasil teve seu melhor desempenho na história de Parapans. O país conquistou 257 medalhas, sendo 109 de ouro, 74 de prata e 74 de bronze, e ficou na liderança do quadro geral dos Jogos Parapan-Americanos. As seleções de futebol de 5 e goalball masculino e feminino conquistaram o ouro, enquanto no judô, foram duas medalhas de ouro, duas de prata e três de bronze.
Convênio – Ministério do Esporte
A participação brasileira nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto é custeada por um convênio entre o Ministério do Esporte e o Comitê Paralímpico Brasileiro. Confira as ações:
– Hospedagem Nacional (concentração);
– Alimentação Nacional (concentração);
– Transporte Nacional (concentração até aeroporto);
– Seguro Viagem;
– Aéreo Doméstico (local de origem até concentração e volta de Toronto até local de origem);
– Aéreo Internacional (concentração até Toronto).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.