Deficientes visuais falam sobre como ‘enxergam’ a cidade de Santos, SP
Deficientes visuais falam sobre como ‘enxergam’ a cidade de Santos, SP

Deficientes visuais falam sobre como ‘enxergam’ a cidade de Santos, SP

Contar um pouco das transformações da cidade de Santos, no litoral de São Paulo, por meio de depoimentos de quem viveu nos anos 60 e perdeu a visão no decorrer da vida. Essa foi a ideia de uma produtora da cidade com o curta-metragem “Visões de Santos”, lançado nesta terça-feira (26), aniversário da cidade.

A ideia do curta surgiu em 2014 e foi se materializando durante 2015.  De acordo com Rodrigo Budrush, um dos responsáveis pelo filme, a delimitação das características dos personagens foi uma das principais dificuldades.

“Não foi fácil achar pessoas com mais de 60 anos que vieram a se tornar deficientes visuais no decorrer da vida e que tenham boas histórias para contar. Porém, contamos com muita ajuda e conseguimos. Creio que esse trabalho tenha ficado bem legal, pois ele conta com boas imagens antigas e atuais, ilustrando bem as histórias contadas”, explica.

Cerca de 10 candidatos foram pré-entrevistados e dois deles foram selecionados para participarem do curta. Uma das selecionadas foi Niuza Martins, que integra o Lar das Moças Cegas de Santos.

“Foi um prazer participar desse trabalho. Fiquei muito feliz em poder contar histórias da cidade”, explica Niuza, que perdeu a visão no ano 2.000. Os produtores também planejam criar uma narração descritiva para a exibição do trabalho para os deficientes visuais.

Curtametragem retrata Santos na década de 60 (Foto: Fundação Arquivo e Memória de Santos)
Curta-metragem retrata Santos na década de 60 (Foto: Fundação Arquivo e Memória de Santos) 

Fonte: http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2016/01/deficientes-visuais-falam-sobre-como-enxergam-cidade-de-santos-sp.html

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *