Glaucoma, doença silenciosa e que leva a cegueira
Glaucoma, doença silenciosa e que leva a cegueira

Glaucoma, doença silenciosa e que leva a cegueira

26 de maio é o dia nacional de combate ao glaucoma. O glaucoma é considerado a principal causa de cegueira irreversível no mundo. Como é uma doença que, na maioria das vezes, não apresenta sintomas, é fundamental que a população acima de 40 anos vá ao oftalmologista anualmente

O Programa Comunidade em Ação entrevistou nesta quarta-feira, dia 27, o médico oftalmologista Marcos Pizzolatti. Segundo o especialista, o glaucoma refere-se a um grupo de doenças oculares que provocam danos irreparáveis no nervo óptico. Este, por sua vez, é o nervo que carrega as informações visuais recebidas pelo olho até o cérebro.

Um dos fatores de risco relacionados ao glaucoma é a pressão interna do olho alta. Entretanto este não é o único fator que contribui para a doença, pois algumas pessoas com pressão do olho alta nunca demonstrarão lesão por glaucoma. Somente com acompanhamento e verificando outros fatores como aparência do nervo óptico e o exame de campo de visão comparativo dará melhores informações.

Marcos Pizzolatti também relata que a perda progressiva do campo da visão pode causar grandes dificuldades para perceber objetos. “O glaucoma avançado pode acometer a visão central também (aquela que se usa para leitura), podendo chegar ao ponto de perda total da visão”, finaliza.

Na maioria dos pacientes que são submetidos a cirurgia para redução da pressão interna do olho ocorre o equilíbrio da pressão em um nível seguro, não precisando mais do uso de colírios. Por outro lado, alguns pacientes podem apresentar difícil controle mesmo após a cirurgia, necessitando novas cirurgias ou até manter os colírios.

A cirurgia tem apenas o objetivo de controle da pressão interna do olho, para evitar a rápida progressão da lesão do glaucoma.

Fonte: http://www.difusora910.com.br/variedades/111728/glaucoma-doenca-silenciosa-e-que-leva-a-cegueira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *