Não é por acaso que nós estamos nessa casa…
Não é por acaso que nós estamos nessa casa…

Não é por acaso que nós estamos nessa casa…

E não mesmo, teve muita luta, muito suor, amor e dedicação para chegar até aqui.  Exemplo de garra e determinação de uma mulher que decidiu não querer viver limpando o chão na Santa Casa de Saúde de Santos e correu atrás de um futuro melhor, da limpeza aos estudos e preparos para aprender a ser mensageira de pacientes, anestesista, instrumentadora e finalmente auxiliar de enfermagem. Da Santa Casa à prefeitura e há 35 anos no Lar das Moças Cegas.

Dona Maria de Lourdes ocupa a sala nomeada como “consultório médico”, mas que poderia  perfeitamente ter o nome de “coração de mãe”.  Pois é como mãe que ela, nossa auxiliar de enfermagem, cuida de todos alunos, familiares e colaboradores, ouve pacientemente, aconselha com carinho e incentiva com determinação, cuida não só da saúde do corpo mas do coração também!

Não por acaso hoje teve visita de alunos ao sítio e ela foi escalada para ficar aqui, nessa casa, pois, não por acaso foi escolhida para em nome de todas as mulheres do Lar receber uma homenagem pelo Dia Internacional da Mulher.

Feliz Dia Internacional da Mulher à todas mulheres do LMC!

"Uma homenagem a quem com força, sabedoria e delicadeza, transforma nosso dia-a-dia em algo suave e encantador."

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *