No “Dia do Oftalmologista” médicos alertam a população sobre a importância do acompanhamento especializado

No “Dia do Oftalmologista” médicos alertam a população sobre a importância do acompanhamento especializado

Em 7 de maio é comemorado o “Dia do Médico Oftalmologista”. Conselho Brasileiro de Oftalmologia aproveita a data e promove campanha ressaltando os riscos à saúde visual para quem não busca atendimento junto a um especialista
Preocupados com a saúde visual da população e cientes de que grande parte das pessoas não procura por atendimento especializado, o Conselho Brasileiro de Oftalmlogia (CBO) aproveita este 7 de maio – quando é comemorado o ”Dia do Médico Oftalmologista” – para alertar a população a respeito da importância de se ter um acompanhamento especializado e dos riscos àqueles que não procuram atendimento junto a um médico oftalmologista.“Tem gente por aí querendo fazer as pessoas acreditarem que um exame de vista é coisa muito simples e que pode ser realizado por alguém sem formação médica. O que essas pessoas omitem é que mais do que um exame para determinar o grau dos óculos, a consulta oftalmológica é uma oportunidade para avaliar a saúde e identificar se alguma coisa não vai bem, mesmo antes de os sintomas aparecerem”, diz o Presidente do Conselho Brasileiro de Oftalmologia, Dr. Milton Ruiz.

Segundo o médico, muitas doenças relacionadas à visão não apresentam sintomas e, quando a pessoa descobre o problema, já está em um estágio bastante avançado e de difícil regressão. “É o caso do glaucoma, por exemplo, que é a maior causa de cegueira irreversível no mundo, sendo que, no Brasil, mais de um milhão de pessoas são portadoras da doença”, alerta o presidente do CBO.

Dr. Milton Ruiz afirma que somente o acompanhamento especializado é capaz de minimizar significativamente a quantidade de casos registrados. “A medicina está muito evoluída, com as técnicas que possuímos atualmente, a imensa maioria das doenças oftalmológicas são facilmente tratadas quando descobertas prematuramente, mas para isso é fundamental que a avaliação seja realizada por um médico oftalmologista, pois ele é o único profissional com conhecimento e habilidade para fazer o exame e desenvolver o tratamento ou recomendar os procedimentos para recuperar ou melhorar a visão”, finaliza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.