Número de Pessoas com Deficiência Trabalhando Tem Aumento
Número de Pessoas com Deficiência Trabalhando Tem Aumento

Número de Pessoas com Deficiência Trabalhando Tem Aumento

O número de pessoas com deficiência inseridas no mercado de trabalho teve um aumento de 18,75% em Catanduva. De janeiro a julho de 2014 foram 16 registros, sendo que no mesmo período deste ano foram 19. A informação é do Secretário de Assistência Social Francisco Rodrigues Neto.
Neto explica que o Banco de Currículo de Pessoas com Deficiência foi criado em 2011, com o objetivo de facilitar a empregabilidade de pessoas com deficiência no mercado de trabalho. Desde quando foi criado, o Banco intermediou 107 contratações de pessoas em várias empresas da cidade e região.
“Embora o Banco de Currículo exista desde 2011, somente em setembro de 2013 o Banco contou com uma gestora, que melhorou a comunicação empresas-pessoas com deficiência. Tal gestora, também ficou responsável por recrutar tais pessoas de acordo com o perfil mais indicado para cada vaga disponível, além de manter organizados o Banco de Currículos e a relação de pessoas com deficiência empregadas através desse Banco”, disse o Secretário.
Ele conta que em 2013 foram encaminhadas ao mercado de trabalho, 18 pessoas. Em 2014 foram 36, sendo 16 delas entre janeiro e julho do mesmo ano. Em 2014 o mês com maior número de contratações foi abril (4), seguido de maio (3) e junho (3). Já em 2015 os dois meses com maior número de contratações foram maio (4) e abril (4), seguidos de julho e fevereiro, com três cada.
“Tendo em vista a crise econômica que o Brasil está enfrentando neste ano de 2015, os resultados obtidos através do Banco de Currículo de Pessoas com Deficiência da Prefeitura de Catanduva, com relação à empregabilidade destas pessoas, foram satisfatórios, em comparação ao ano de 2014”, afirmou Neto.
 
Tributo à Inclusão
Começou na segunda-feira (17) e segue até sexta-feira (21) a Semana da Pessoa com Deficiência. Hoje (20), a partir das 14 horas será realizado um Tributo à Inclusão, com passeata pelas ruas da cidade. O local de saída é o Paço Municipal. O ponto de chegada é a Praça 9 de Julho. A ação contará com a participação de várias instituições, entre elas a Legião Mirim, Cidadão do Futuro, Escoteiros, Mensageiros do Amor, alunos da rede municipal de ensino e Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). Neto explica que representantes de outras cidades também participarão do Tributo. 
“Já estão confirmados participantes de Itajobi, Novais e Bebedouro. Durante o trajeto teremos cartazes, bexigas e muita agitação para chamar a atenção da população”, disse o Secretário. Performances artísticas e culturais, desenvolvidas por pessoas com e sem deficiência também estão marcadas para o evento.
Antes do Tributo, as 9h30, haverá uma palestra com Marcos Alexandre Schwerz no Anfiteatro da Prefeitura Municipal. Às 16 horas haverá a atividade de “Orientação de Prevenção e Combate à Violência contra Pessoas com Deficiência”, na Escola Estadual Barão do Rio Branco. Já a partir das 19h30 será desenvolvida uma Oficina de Livras com o tema “Dinâmica entre Surdos e Ouvintes” no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. 
Amanhã será realizada a atividade de “Orientação de Prevenção e Combate à Violência contra Pessoas com Deficiência” no anfiteatro da prefeitura às 8 horas.  Já a gincana inclusiva acontecerá na APAE. As atividades serão desenvolvidas das 8 às 10 horas e das 14 às 16 horas. 
O objetivo da Semana da Pessoa com Deficiência é debater e prevenir a violência contra as pessoas com deficiência e discutir maneiras de prevenção e combate.  Conceitos, idéias, sugestões e temas relacionados a vida de pessoas com deficiência intelectual e múltipla fazem parte dos debates. Neste ano, a Semana está sendo feita em parceria com o SENAC, FIPA, Instituto Federal, SESI, Fatec, Instituto dos Deficientes Visuais de Catanduva (IDVC) e Lar Mensageiros do Amor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *