Portadores de deficiência participam de caminhada pela acessibilidade, em Jaraguá do Sul

Portadores de deficiência participam de caminhada pela acessibilidade, em Jaraguá do Sul

Portadores de deficiência participam de caminhada pela acessibilidade

Portadores de deficiência física e visual participaram na manhã desta terça-feira do ato de mobilização em defesa da acessibilidade, promovido pelo presidente da Câmara de Vereadores, Arlindo Rincos (PP). A caminhada aconteceu entre a Câmara de Vereadores, na Avenida Getúlio Vargas, e a Praça Ângelo Piazera, na Avenida Marechal Deodoro da Fonseca.

O objetivo foi mostrar o desafio enfrentado pelos cadeirantes por causa da falta de calçadas adequadas e de rampas nas lojas. Para isso, o vereador percorreu todo o trajeto de cadeira de rodas. Os 11 parlamentares foram convidados a participar, mas apenas Rincos compareceu.

Gisele Bortolini, 51 anos, levou o filho Gustavo Bortolini, 10, para participar da caminhada. Cadeirante e aluno da Apae, Gustavo precisa da ajuda da mãe para as atividades diárias. Gisele acredita que a ação é uma forma de abrir os olhos da sociedade para a inclusão dos deficientes.

— Não é difícil só para o meu filho, mas também para o idoso e a mulher que leva o carrinho de bebê. Já deixei de ir em várias lojas porque o Gustavo não tinha como entrar – comenta.

Arlindo Wulf, 31 anos, também fez questão de ir à mobilização com a mãe, Romilda Wulf, 61. Ele tem apenas 20% da visão e diz que a dificuldade acontece em quase todos os lugares.

— Além das calçadas serem irregulares, os motoristas não costuma dar a vez na hora de atravessar a rua. Se a faixa de pedestre não tiver sinaleiro, é um problema – comenta Romilda.

Um dos trechos mais difíceis da caminhada foi a travessia do trilho do trem. O vereador precisou de ajuda para empurrar a cadeira porque a roda ficou presa num buraco.

— São problemas que passam despercebido para quem não tem deficiência. Só quem está aqui (na cadeira de rodas) para saber as limitações que existem — comentou Rincos.

No dia 11 de junho, às 19 horas, será realizada na Câmara de Vereadores uma audiência pública sobre acessibilidade e mobilidade urbana. Um dos objetivos é debater um projeto unificando as três leis sobre a regulamentação das calçadas existentes em Jaraguá.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *