Seleção de atletismo brilha e acumula medalhas no seu primeiro dia do Parapan de Toronto

Seleção de atletismo brilha e acumula medalhas no seu primeiro dia do Parapan de Toronto

0024_Jenifer dos Santos e Veronica Hipolito T38_MROA equipe brasileira de atletismo chegou a Toronto para os Jogos Parapan-Americanos com o peso de ser a principal esperança de medalhas do país. Nesta segunda-feira, 10, primeiro dia de provas do esporte, a expectativa foi atingida com louvor: 15 medalhas, sendo seis de ouro, cinco de prata e quatro bronzes.

As medalhas de ouro começaram com Alessandro da Silva, do lançamento de disco, classe T11. Além dele, Mateus Evangelista (salto em distância, T37), Pedro Neves (salto em distância, T38), Verônica Hipólito (100m rasos, T38), Marivana Oliveira (arremesso de peso, F35-36) e Petrucio Ferreira (100m rasos, T47) também celebraram a ida ao topo do pódio.

“Precisamos chegar com o pensamento positivo. Fico muito feliz de participar do Parapan. Estou voltando de lesão e quase fiquei fora da competição. Recuperei-me em menos de dois meses e consegui. Fiquei muito satisfeito”, disse Petrucio, que ficou a cinco centésimos do recorde mundial, de 10s72.

“Fico feliz porque é um brasileiro que está dando continuidade ao meu trabalho. Queria ficar em segundo, mas estou feliz de verdade. Ele sabe que corre muito e merece!”, disse Yohansson, parabenizando Petrúcio Ferreira.

Odair Santos venceu a final dos 5.000m, classe T11, mas foi desclassificado. O campeão mundial da prova acabou eliminado por um problema no uso dos atletas-guia. No entendimento da organização, ele teria de utilizar os dois que haviam sido inscritos para correr com ele na disputa, enquanto a comissão técnica optou por não fazer a troca e permanecer com somente um.

A troca foi informada momentos antes da prova, mas a organização do evento informou que a mesma teria de ter sido passada no dia anterior. Desta maneira, o protesto formalizado pela delegação nacional não foi aceito e a desqualificação mantida.

Confira a lista completa de medalhas do atletismo do Brasil nesta segunda-feira

OURO
Alessandro da Silva – lançamento de disco – T11
Mateus Evangelista – salto em distância – T37
Pedro Neves – salto em distância – T38
Verônica Hipólito – 100m rasos – T38
Marivana Oliveira – arremesso de peso – F35/36
Petrucio Ferreira – 100m rasos – T47

PRATA
Parré – 100m rasos – T53
André Antunes – arremesso de peso – F54/55
Jenifer Martins – 100m rasos – T38
Claudiney Batista – lançamento de disco – F51-57
André de Oliveira – salto em distância – T42-44

BRONZE
Rodrigo Parreira – 100m rasos – T36
Rosenei Herrera – arremesso de peso – F35/36
Yohansson Nascimento – 100m rasos – T47
Thiago Paulino – lançamento de disco – F51-57

Convênio – Ministério do Esporte 


A participação brasileira nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto é custeada por um convênio entre o Ministério do Esporte e o Comitê Paralímpico Brasileiro. Confira as ações:
– Hospedagem Nacional (concentração);
– Alimentação Nacional (concentração);
– Transporte Nacional (concentração até aeroporto);
– Seguro Viagem;
– Aéreo Doméstico (local de origem até concentração e volta de Toronto até local de origem);
– Aéreo Internacional (concentração até Toronto).
Fotos em alta resolução: https://www.flickr.com/photos/cpboficial/albums

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.